21.10.12


Decide ou desiste

3

A gente precisa conversar, ele disse. Concordei. Mas como dizer todas aquelas frases ensaiadas milhares de vezes, porém nunca ditas? Como olhar no olho do outro e expor o que é preciso? Tínhamos tanto a dizer, mas as palavras não saíam, mal podiam ser formuladas. O nó na garganta foi ficando maior.

Tá certo que o medo nos dominou, mais uma vez. Mais de uma vez. Passei a vez para você. Vai, se decida. Se não se decidir, meu bem, eu vou desistir.

Mesmo querendo me agarrar com todas as forças nessa história maluca, mesmo querendo me agarrar a você. Mas quando tudo dá errado, quando tudo parece ir no sentido contrário do que a gente queria, talvez seja porque é melhor assim.

Deixa o que deu e continua dando errado para trás. Desiste de consertar o que não tem conserto. Não insiste demais, não. Acabou. Tem coisa que não dá pra refazer, tem coisa que não dá pra ignorar.

Desiste de mim, amor, porque eu vou desistir de nós.

VISITE O BLOG NOVO: 20 anos blue https://20anosblue.wordpress.com

19.10.12


Sair de cena

0

Se a gente tivesse certeza do que sentimos e, sobretudo, coragem para falar sobre isso, tudo teria sido diferente. Se você não tivesse fugido de mim. Ou se eu não tivesse tanto medo. Se não houvesse tantos motivos para dar tudo errado. Se não tivessem tantas dúvidas no meio do caminho. Se você tivesse ido atrás de mim e dito o que sentia, ou só mesmo o que eu precisava ouvir... Podíamos ter vivido um grande amor.

Se, se, se... Mas nada disso aconteceu. A gente preferiu fugir dessa rota arriscada, dos caminhos embaraçados e embaraçosos do amor. É tão mais fácil desistir. Se entregar é para os fortes, coisa de gente corajosa. E somos uns covardes, sim, e você sabe disso.

Seria simples simplificar tudo e pular logo para a parte em que ficamos juntos e vivemos felizes para sempre, se é que existe um final feliz para nós. Mas até lá, há um enredo inteiro, uma história longa e desgastante, tipo novela  em que dá tudo errado, que quase mata a gente de raiva e tudo só melhora e se acerta no último capítulo. Ou nada se acerta, já que nessa trama, a mocinha cansou do drama e está com uma vontade enorme de sair de cena, entregar o jogo para a vilã, rasgar o roteiro e se aposentar.

Talvez vida de figurante seja mais fácil.

VISITE O BLOG NOVO: 20 anos blue https://20anosblue.wordpress.com

6.10.12


Apresentando: Charlotte Free

0

Oooi gente! Estou estreando a tag Apresentando que, como o próprio nome já diz, vai ter a função de apresentar as novidades, celebridades, bandas, tendências e qualquer coisa que eu ache legal o bastante para postar aqui. Esse tipo de post não é novidade aqui no blog, mas a tag só foi criada agora, mas serve né. hahahah


Hoje o post é sobre a modelo americana Charlotte Free, de 19 anos. Ela é super hype e diferente das tops tradicionais que a gente vê por aí, e só de olhar a foto já dá pra entender por quê né! O cabelo rosa mega estiloso - que, inclusive, é ela mesma que pinta em casa - aliado ao estilo rock e cheio de atitude, faz com que essa modelo chame atenção e se diferencie das demais.


Charlotte já desfilou para estilistas como Jeremy Scott e Charlotte Ronson e atualmente conquistou o posto de porta voz da Maybelline. Não é para qualquer uma, né?


 
No final de junho, ela veio ao Brasil para fotografar para a campanha de verão 2013 da Santa Lolla. No making off da campanha, você assiste a modelo fazendo caras e bocas para a camêra e confere o figurino e os bastidores:



AMEI o look
Essa menina nasceu pra ser minha amiga, só sei disso.
 
 
Quem gostou e quer ver mais fotos pode conferir o tumblr e curtir no facebook.

VISITE O BLOG NOVO: 20 anos blue https://20anosblue.wordpress.com

5.10.12


Sabotador de sonhos

0

Eu já disse não, quando queria dizer sim. Eu já perdi a oportunidade que sempre esperei. Eu já deixei outra pessoa passar na minha frente. Eu já desisti porque achei que não fosse conseguir. Eu já deixei de me mostrar por medo de julgamentos. É que ás vezes, a gente tem esse impulso terrível de sabotar as nossas próprias vontades, de desistir dos nossos sonhos sem ao menos tentar.

Não que eu queira começar com aquele clichê do tipo "não desista dos seus sonhos", mas é que o medo nos persegue e nos impede de fazer muita coisa. Por causa dele, deixamos de lado os nossos desejos, somos o nosso próprio sabotador de sonhos.

O medo de se arrepender é uma entrave na nossa vida. É horrível pensar no que poderia ter sido, se fosse. Arriscar é preciso. Antes se arrepender por excesso do que por falta de atitude.
Se você tiver vontade de fazer, lute para que possa. Se puder, faça. Sem medo, sem arrependimentos. Mergulhe de cabeça, seja você mesmo e viva intensamente! Ok, chega de clichês.

Não sei vocês, mas cansei de viver na paranoia que é a sociedade. Cansei de me preocupar com tanta intriga e inveja. E daí se vão te achar estranho? E daí se, como diria a Pitty, você for bizarro, bizarro, bizzaro?

As maiores barreiras são as que a gente cria pra nós mesmos. As maiores barreiras são o medo e a insegurança. Então, que se danem os conceitos sobre o que é certo e errado, normal e estranho. Não quero mais sabotar os meus sonhos, quero lutar por eles. Quero me libertar dos meus próprios limites. Quero ter paz interior, não travar uma guerra contra a minha parte medrosa. Quero ser feliz. Quero viver.


VISITE O BLOG NOVO: 20 anos blue https://20anosblue.wordpress.com